O Ano do Número Quatro Chegou!

O ano 2020 é um ano marcado para ser de excelente dinâmica!

Alguns não acreditam e outros não entendem nada sobre numerologia e pensam que se trata de algum culto diabólico; eu não tenho qualquer dificuldade em estudar o que está claramente delineado na Bíblia com uma expressiva carga de tantas evidências que chega a ser absurdo não prestar atenção.

Na Bíblia, o Livro do Apocalipse indica a ideia de universalidade pelo número 4; são mencionadas situações em que é frequente a presença do número como vemos nos 4 cavaleiros que trazem as 4 pragas maiores; são 4 os anjos destruidores que ocupam lugar nos 4 cantos da terra. São também 4 os campos das doze tribos de Israel.

Também vemos na Bíblia que 4 são os evangelistas Mateus, Marcos, Lucas e João!

Várias coisas são representadas por quatro elementos no sentido de totalidade.

São exemplos:

(a) as quatro direções cardeais: norte, sul, leste e oeste;

(b) as quatro estações do ano: primavera, verão, outono e inverno;

(c) os quatro elementos: ar, fogo, água e terra;

(d) as 4 fases da vida humana: infância, juventude, maturidade e velhice.

Em Jesus Cristo, lemos que a estrutura do ser humano se define por 4 potencialidades com as quais podemos amar a Deus e nisto entendemos que o ser humano não é tricotômico (3 partes) e sim quaternário (que tem 4 partes), basta lermos em Marcos 12:29-31 que devemos amar a Deus de todo nosso coração, espírito, intelecto e corpo.

E toda minha antropologia é feita à partir deste conceito que define o ser humano como um Santuário para a presença de Deus nos termos de 1ª Coríntios 3:16-17.

No estudo da numerologia, há uma matemática divina, que fecha circuitos proféticos com tempos, com prazos e datas; isto está em toda a Bíblia, em escatologia e no próprio estudo de soteriologia (estudo da salvação).

Um dos aspectos de cálculos que os numerólogos ensinam é que um número como 2020 se lê assim: 2+0+2+0=4.

Por esta razão, afirmo que por este prisma 2020 será um ano que, pelo estudo da Cabala Judaica, parece-me ser auspicioso.

O número 4 é compreendido como o número da solidez e tudo aquilo que é tangível. Ele foi utilizado por Pitágoras para fazer referência ao nome de Deus que é conhecido por ser um “tetragrama” YHWH. Por esta razão, para esse filósofo e matemático, o número 4 era perfeito.

E eu creio também que é o número da perfeição para o indivíduo humano (físico, emocional, intelectual e espiritual).

Na Numerologia Clássica, o número 4 se traduz em estabilidade e progresso nas personalidades das pessoas.

Indicador de capacidade de organização, o seu bloqueio, por outro lado, sinaliza dificuldades de progressão.

Ele está ligado aos símbolos da cruz e do quadrado por terem 4 pontos-chave. Em virtude dessa ligação, especialmente com a cruz, é considerado um número de grande importância.

Prof. Jean Alves Cabral
http://pastorjean.com.br

Add a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *